IMG_0752

Entre os dias 30 de setembro, 1 e 2 de outubro, foi realizado em Ijaci (MG) o 4º seminário do projeto Brincadiquê? Pelo Direito ao Brincar – Cata-vento, com a temática “Legislação para a defesa dos direitos da infância”. Compareceram 32 profissionais participantes, que ainda receberam formação sobre contação de histórias.

No dia 30 de setembro foi realizada formação sobre legislação com o articulador do Centro Marista de Defesa da Infância, Douglas Moreira, em que o grupo pode discutir sobre assuntos como o Plano Nacional pela Primeira Infância, ações finalísticas –  A Família e a Comunidade da Criança Assistência Social a Crianças e suas Famílias, entre outros acerca da legislação vigente.

Entre canções, brincadeiras e histórias, a contadora de histórias, Susana Diniz, realizou a formação sobre espaçotempo para o brincar de faz de conta. Em que conduziu os presentes a um exercício de sensibilidade relembrando histórias que viveram na infância, bem como a prática de contar histórias utilizando livros como apoio, e objetos inusitados, como colheres, lápis e sobras de papel para darem vida aos personagens.

“A construção de brinquedos me despertou a reflexão sobre o direito ao brincar e a vontade de brincar, contribuiu muito para a minha formação, de tantos cursos que já fiz, o projeto Brincadiquê? foi o que trouxe mais inovação no olhar, e por ser um projeto desenvolvido ao longo de um ano, com vários momentos formativos, foi muito abrangente trazendo temas e práticas diversas. Também nos trouxe outro olhar no uso dos materiais em sala, nos trouxe o exercício da criatividade, da desinibição, da autonomia e do espírito de equipe”, relata Rogéria Aparecida Ferreira, educadora na Escola Municipal Maria Luiza da Paixão.

O Grupo de Trabalho realizou seu último encontro no dia 2 de outubro, finalizando os documentos do Plano de Trabalho que propõe a continuidade das ações iniciadas com o projeto em 2015, dentre eles, o Calendário Municipal, onde elencaram atividades a serem desenvolvidas no próximo ano no município pelos grupos envolvidos. O próximo encontro será realizado em novembro e será o último seminário formativo.